UX Design – Leis de User Experience

9 minutos para leitura

Leis de UX

Gosto sempre de falar que pratico SEO de forma holística, ou seja, levando em consideração todos os aspectos da jornada de um usuário até o conteúdo do seu interesse.

Sendo assim, aqui vai um apanhado de 20 regras de User Experience Design que podem contribuir para melhorar a experiência do usuário e, consequentemente, as taxas de conversão do seu negócio. Vamos lá!

Lei da usabilidade estética

Efeito da usabilidade estética

Os usuários geralmente percebem o design esteticamente agradável como um design mais utilizável.

O design esteticamente agradável pode tornar os usuários mais tolerantes a pequenos problemas de usabilidade. Ele pode mascarar problemas de usabilidade e impedir que sejam descobertos durante os testes de usabilidade.

Leitura complementar: The Aesthetic-Usability Effect

Limiar de Doherty

Limiar de Doherty

A produtividade aumenta quando um computador e seus usuários interagem em um ritmo (<400ms) que garante que nenhum deles precise esperar pelo outro.

Forneça feedback do sistema dentro de 400ms para manter a atenção dos usuários e aumentar a produtividade.

Leitura complementar: This 70s UX gem still applies today

Lei de Fitts

Lei de Fitts

O tempo para interagir com um alvo é uma função da distância e tamanho do alvo.

Faça com que os elementos que você deseja que sejam facilmente selecionáveis sejam grandes e posicione-os perto dos usuários. Esta lei se aplica especialmente aos botões (CTAs), cujo objetivo desses elementos é ser fácil de encontrar e selecionar.

Leitura complementar: Fitts’s Law: The Importance of Size and Distance in UI Design

Lei de Hick

Lei de Hick

O tempo necessário para tomar uma decisão aumenta com o número e a complexidade das escolhas.

Mais escolhas resultam em mais tempo para pensar sobre essas escolhas e tomar uma decisão. Simplifique as opções para o usuário, dividindo tarefas complexas em etapas menores.

Evite sobrecarregar os usuários destacando as opções recomendadas.

Leitura complementar: Hick’s Law: Making the choice easier for users

Lei de Jakob

Lei de Jakob

Os usuários passam a maior parte do tempo em outros sites. Isso significa que os usuários preferem que seu site funcione da mesma maneira que todos os outros sites que eles já conhecem.

Você pode simplificar o processo de aprendizado para os usuários, fornecendo padrões de design familiares.

Leitura complementar: Jakob’s Law of Internet User Experience

Lei da Região Comum

Lei da Região Comum

Os elementos tendem a ser percebidos em grupos se eles estiverem compartilhando uma área com um limite claramente definido.

Adicionar bordas (criar regiões comuns) ao redor de um elemento ou grupo de elementos é uma maneira fácil de criar separação dos elementos circundantes.

Leitura complementar: Design Principles: Visual Perception And The Principles Of Gestalt

Lei de Prägnanz

Lei de Prägnanz

As pessoas perceberão e interpretarão imagens ambíguas ou complexas como a forma mais simples possível, porque é a interpretação que requer o menor esforço cognitivo de nós.

O olho humano gosta de encontrar simplicidade e ordem em formas complexas porque nos impede de ficar sobrecarregados com informações.

Leitura complementar: The Laws of Figure/Ground, Prägnanz, Closure, and Common Fate – Gestalt Principles

Lei da Proximidade

Lei da Proximidade

Objetos próximos ou próximos um do outro tendem a ser agrupados.

A lei da proximidade é útil ao permitir que os usuários agrupem diferentes grupos de conteúdo rapidamente.

Leitura complementar: Laws of Proximity, Uniform Connectedness, and Continuation – Gestalt Principles

Lei da Similaridade

Lei da Similaridade

O olho humano tende a perceber elementos semelhantes em um design como uma imagem, forma ou grupo completo, mesmo que esses elementos estejam separados.

Verifique se os links e os elementos de navegação são visualmente diferenciados dos elementos de texto normais e têm um estilo consistente.

Leitura complementar: The Law of Similarity – Gestalt Principles

Lei da conexão uniforme

Lei da Conexão Uniforme

Elementos visualmente conectados são percebidos como mais relacionados do que elementos sem conexão.

Agrupe funções de natureza semelhante para que elas sejam visualmente conectadas por meio de cores, linhas, molduras ou outras formas.

Leitura complementar: Gestalt Principles of Perception – 3: Proximity, Uniform Connectedness, and Good Continuation

Lei de Miller

Lei de Miller

A pessoa média só pode manter 7 (mais ou menos 2) itens em sua memória de trabalho.

Chunking é um método eficaz de apresentar grupos de conteúdo de maneira gerenciável. Organize o conteúdo em grupos de 5 a 9 itens por vez.

Leitura complementar: Miller’s law, chunking, and the capacity of working memory

Navalha de Occam

Navalha de Occam

Entre as hipóteses concorrentes que preveem igualmente bem, deve-se selecionar aquela com o menor número de suposições.

Analise cada elemento e remova o maior número possível, sem comprometer a função geral.

Leitura complementar: Designing with Occam’s Razor

Princípio de Pareto

Princípio de Pareto

O princípio de Pareto afirma que, para muitos eventos, aproximadamente 80% dos efeitos vêm de 20% das causas.

Concentre a maior parte do esforço nas áreas que trarão os maiores benefícios para a maioria dos usuários.

Leitura complementar: The 80/20 Rule in User Experience

Lei de Parkinson

Lei de Parkinson

Qualquer tarefa aumentará até que todo o tempo disponível seja gasto.

Leitura complementar: Parkinson’s Law: Why Constraints Are The Best Thing You Can Work With

Regra do Ponto Final

Regra do Ponto Final

As pessoas julgam uma experiência amplamente baseadas em como se sentiram no auge e no final, em vez da soma total ou média de cada momento da experiência.

Preste atenção aos pontos mais intensos e aos momentos finais da jornada do usuário. Identifique os momentos em que seu produto é mais valioso e o design para tornar esses momentos melhores. As pessoas lembram experiências negativas mais vividamente do que experiências positivas.

Leitura complementar: The Peak–End Rule: How Impressions Become Memories

Lei de Postel

Lei de Postel

Seja liberal no que você aceita e conservador no que você envia.

Seja empático, flexível e tolerante com qualquer número de ações que o usuário possa executar. Isso significa aceitar entrada variável dos usuários, traduzir entrada para atender aos requisitos, definir limites para entrada e fornecer feedback claro ao usuário.

Leitura complementar: Your Website has Two Faces

Efeito de posição serial

Efeito de Posição Serial

Os usuários têm uma propensão a se lembrar melhor do primeiro e do último item de uma série.

Colocar os itens menos importantes no meio das listas pode ser útil porque esses itens tendem a ser armazenados com menos frequência na memória de trabalho e de longo prazo. O posicionamento das principais ações na extrema esquerda e direita em elementos como a navegação pode aumentar a memorização.

Leitura complementar: Serial Position Effect: How to Create Better User Interfaces

Lei de Tesler

Lei de Tesler

A Lei de Tesler, também conhecida como Lei da Conservação da Complexidade, afirma que, para qualquer sistema, existe uma certa quantidade de complexidade que não pode ser reduzida.

Leitura complementar: Explaining the Law of Conservation of Complexity

Efeito Von Restorff

Efeito Von Restorff

O efeito Von Restorff, também conhecido como Efeito Isolamento, prevê que, quando vários objetos semelhantes estiverem presentes, é mais provável que aquele que difere do resto seja lembrado.

Faça informações importantes ou ações-chave visualmente distintas.

Leitura complementar: Psychology in Design (Part 1)

Efeito Zeigarnik

Efeito Zeigarnik

As pessoas se lembram melhor de tarefas incompletas ou interrompidas do que de tarefas concluídas.

Use barras de progresso para tarefas complexas para indicar visualmente quando uma tarefa está incompleta e, assim, aumentar a probabilidade de ser concluída.

Leitura complementar: The Zeigarnik Effect: Why it is so hard to leave things incomplete.

Este artigo é um adaptação da coleção criada por Jon Yablonski com os princípios que os designers podem levar em consideração para produzir interfaces.

Continue lendo: “O guia definitivo para WordPress SEO

Receba dicas de SEO e Analytics gratuitamente!

  • Técnicas para otimizar seu site para SEO, usabilidade e conversão
  • Saiba como analisar o comportamento do visitante no seu site
  • Dicas e tutoriais para oferecer uma experiência única para seus visitantes

Respeito sua privacidade. Leia a política de privacidade para saber como lido com suas informações pessoais.

Menu